_______________________________________________________

quarta-feira, 24 de maio de 2017

A PAZ CELESTIAL









“Mesmo a casa mais confortável, equipada com todos os luxos que o homem pode desejar, mesmo pilhas de tesouros são impotentes para dotar alguém de paz (Shanti). Essa pode ser conseguida apenas pela rendição a Deus, que é o núcleo mais íntimo de uma pessoa, a própria fonte de toda a vida e do viver. Considere isso: aqueles com sorte suficiente para possuírem riqueza, ouro, propriedades e conforto estão tendo paz? NÃO! Homens altamente cultos ou de extraordinária beleza ou de força física sobre-humana ao menos todos esses estão em paz consigo mesmo e com o mundo? NÃO! Qual é a razão da miséria mesmo para eles? A razão é que eles se esqueceram da Base Divina da Criação, bem como ignoraram o Princípio Fundamental Absoluto. Todas as vidas vividas sem Fé e devoção pelo Único Supremo Senhor são horríveis; vidas gastas sem saborear o Néctar do Princípio Divino são todas oportunidades perdidas.”   (Sathya Sai Baba)








SOBRE as GUERRAS e as DIMENSÕES
(TRIGUEIRINHO)










“Dentre as palavras que reconhecemos como as mais elevadas e que temos como objetivo incorporá-las em nossas experiências, a 'PAZ' ganha um destaque especial. Mas, o que seria a paz? Como reconhecê-la em nossas vidas? O que dizem os ensinamentos espirituais e aqueles que tiveram as suas experiências místicas com a paz? É possível encontrar paz nos atuais tempos? Observando a vida comum da humanidade, testemunhamos que muitos seres afirmam que vivem em paz ou que vivenciaram momentos de paz, anteriormente, e agora estão buscando resgatá-la para as suas vidas. Como uma energia abstrata e sutil, a definição da paz passa por um refinamento da consciência que a experimenta e a define. Desta forma, quando vamos nos aprofundando no reconhecimento de certas experiências mais elevadas, vemos que há leis específicas da supranatureza que sustentam manifestações superiores, como no caso da paz. No plano das definições abstratas, experiências sutis positivas como a serenidade e a tranquilidade, assim como outras experiências negativas como a lassidão e a inércia, chegam a ser confundidas com a paz pelas mentes menos hábeis que meditam sobre a natureza destes planos mais elevados. A verdadeira paz é uma experiência profundamente transformadora, de natureza cósmica, somente sensível aos que já possuem suas consciências cósmicas despertas. Desce dos céus, através de uma emissão de luz estabilizadora da aura humana, por meio da atividade consciente de união com o Senhor. É mistério incidental, fora da lógica racional humana comum e requer um estado de completa entrega da vida terrestre pessoal aos desígnios da vida celestial. Antes de tudo, é um produto inerente da atividade contemplativa da fé.”   (Do livro “COMANDO ESTRELINHA, Temas Transcendentais”, págs 41 e 42, Horácio Netho, Ed. Alfabeto, 2012)

 











PAZ Estado supra-humano que deve refletir-se na humanidade e na Terra. Para emergir, é necessário o indivíduo polarizar-se no centro do próprio ser, veio por onde a paz pode fluir e permear o mundo concreto. Quase sempre incompreendida e confundida com ausência de conflitos, tenta-se inutilmente firmá-la por tratados formais. Mas, enquanto a paz é dinâmica, transformadora, e impulsiona a consciência em sua ascese, a ausência de conflitos pode significar prevalência de inércia. A paz não tem começo nem fim; transcende as leis do espaço-tempo, é interior, pode aflorar em qualquer lugar e a qualquer momento, desde que se estabeleça sintonia com ela. O surgimento da paz na humanidade é avanço significativo para a evolução deste planeta que, como consciência, se encontra receptivo às energias que caracterizam a vida imaterial. Embora, por enquanto, a paz seja meta a atingir, estará manifestada em grande medida após esta época de transição. Quando se entra em contato com o mundo espiritual, a paz torna-se realização tangível e os fatos são avaliados impessoalmente. Amadurecida no silêncio, faz-se imanente aos atos e palavras dos que se ofertam à Consciência Única.” (Do livro “Glossário Esotérico”, autor: Trigueirinho, Ed. Pensamento, 1994, pág. 340)















CONSTRUÇÃO da PAZ MUNDIAL
(ULISSES RIEDEL)












“A compreensão sobre a consciência do tempo ilusório é um pré-requisito para o estabelecimento da quietude e da paz verdadeira. Uma estabilidade atômica. Não se pode haver pressa e ansiedade num coração pacificador [...] Nem sempre sabemos de que o outro precisa para alcançar a paz. Esta necessidade pode ser, inclusive, o próprio conflito. Contribuímos melhor para com a humanidade nos ocupando em viver a paz em nós mesmos [...] Alguns seres humanos ainda não estão prontos para a paz. Não suportam conviver em paz devido à sua natureza semianimal, transitória inquieta e desejosa. Tentar conduzir a paz até eles é agredir a própria paz. Melhor ainda, a energia essencial da paz tem origem cósmica e só se faz sentir naqueles que conhecem as realidades cósmicas [...] Um ser iluminado e autorrealizado tem capacidade de conviver com os altos níveis de ignorância dos homens comuns sem se deixar contaminar internamente. Relaciona-se com seres impuros distanciadamente, mantendo a sua consciência a mais elevada possível em direção aos mundos superiores. Encontra-se naquele estado regido por leis que lhes amparam e protegem. Possui um nível de vida interno elevado que, quando necessário, se manifesta externamente. Possui recursos energéticos conscientes para reverter situações desarmônicas e promover curas e paz [...] A paz é uma experiência da natureza essencial mais profunda do ser humano. Mesmo aquele que está destruindo, matando, lutando e promovendo a guerra o faz movido, inconscientemente, pela paz e intenciona, em última instância, o alcance e a solidificação desta paz [...] Na evolução inferior do mundo da dualidade mental e egóica, o ser humano encontra-se o tempo todo desejando trocar um mal por um bem. E assim, ele vai esforçando-se para subjugar o mal impondo o que lhe considere um bem, mesmo que inconscientemente. Este processo se dá por meio de lutas energéticas e embates sofríveis internos e externos. Somente em um estado de consciência superior é que a paz pode se estabelecer e neutralizar as lutas duais dos mundos inferiores. O estado meditativo é a consciência que abre os canais de acesso e aproxima as energias superiores de um ser que busca a serenidade e a compreensão intuitiva mais elevada da sua natureza búdica, crística e iluminada [...] Na Terra, nenhum ser humano encontrar-se-á seguro antes que a sua luz espiritual cósmica se manifeste. Até este evento, o ser humano permanecerá trilhando as veredas das realidades inferiores em pequenas realizações, sempre tangendo as experiências duais da zona de sofrimento. Nunca terá um elevado controle sobre as suas vontades e energias, vivendo a mercê das intempéries da vida terrena comum, numa luta ignorante pela sobrevivência. Sua consciência estará focada, exclusivamente, na vida planetária e, desta forma, aprisionada a um mundo de ilusões sujeita a impossibilidade de reconhecer a segurança da paz cósmica e o sentido da imortalidade [...] Alguns seres intencionam levar a sua suposta paz interna aonde haja necessidade. Acabam levando os seus desejos ocultos, interferindo inapropriadamente e se tornando imperceptíveis às necessidades dos outros e do próprio momento planetário. Para cada ser há um limite e uma forma para a paz se estabelecer. É necessário tato e discernimento sobre a dimensão do outro. Em verdade, a paz só é conhecida sob a luz divina do espírito [...] No coração daquele que já se encontrou, verte uma energia oculta que lhe faz capaz de atravessar tempestades e, ao mesmo tempo, manter-se sereno e em paz consigo [...] O buscador da paz ainda não está em paz.” (Do livro “VIA TERRA, caminhosda luz”, Horácio Netho)






MOVIMENTO CÓSMICO P\ PAZ








“O impulso de permanecer em paz eternamente é bom e santo, mas é preciso modificá-lo com a completa resignação à Vontade Divina.”    (Padre Pio)








“Deve haver um lugar dentro do seu coração, onde a paz brilhe mais que uma lembrança. Sem a luz que ela traz já nem se consegue mais encontrar o caminho da esperança. A lição pro futuro vem da alma e do coração, pra buscar a paz, não olhar pra trás, com amor. Só o amor muda o que já se fez e a força da paz junta todos outra vez. Venha, já é hora de acender a chama da vida e fazer a Terra inteira feliz."  (Da Música “A PAZ”,  de Roupa Nova)










“Desprenda-se de tudo que não deixa sua mente descansar. Renuncie a tudo que perturba sua paz. Se você quer paz, mereça-a. Somente a merecem aqueles que não a perturbam.”  
(Sri Nisargadatta Maharaj)












"Alienígenas ajudam a manter a paz mundial. A frase poderia ser dita por qualquer pessoa, mas não foi. Saiu da boca de Edgar Mitchell, astronauta norte-americano que caminhou na superfície da Lua em 1971, durante missão da Apollo 14. Hoje, aos 84 anos, Mitchell garante que ETs visitaram as bases nucleares dos Estados Unidos e da União Soviética durante a Guerra Fria. Nesse episódio, eles teriam desarmado mísseis que ameaçavam fortemente a estabilidade social da Terra. “Conversei com oficiais das Forças Aéreas que trabalharam nestes locais durante a Guerra Fria. Eles disseram que OVNIs eram frequentemente vistos por lá e que os mísseis eram desarmados por eles. Outros oficiais baseados no Pacífico contaram que os seus mísseis chegaram a ser abatidos por nave alienígena em testes”, contou Mitchell ao Daily Mirror. Apesar das declarações do ex-astronauta, a Nasa não se pronunciou sobre o caso citado por ele. Recentemente, um ex-ministro da Defesa do Canadá já havia citado a mesma temática, afirmando que autoridades mundiais têm contato com ETs e que eles ajudam na manutenção do planeta enquanto local pacífico." (Em: https://br.noticias.yahoo.com/blogs/super-incr%C3%ADvel/-ets-ajudam-a-manter-a-paz-na-terra---diz-astronauta-que-caminhou-na-lua-155032431.html)











quinta-feira, 18 de maio de 2017

"CROP CIRCLES"






CROP CIRCLES - SIGNS a WARNING
(DADOS CIENTÍFICOS)







“Podemos afirmar que parte desta atualização que a Confederação Intergaláctica está nos propondo pode ser observada através dos estímulos das linguagens simbólicas cósmicas que estão se manifestando através do que estamos denominando de ‘CROP CIRCLES’. Aos poucos, estas manifestações estão ganhando força e espaço dentro do mundo científico, por alguns pesquisadores sérios e de vanguarda que estão se dispondo a investigar estas realidades. O nosso acervo ancestral de símbolos cósmicos acrescido aos novos símbolos que estão surgindo e sendo ativados estão expandindo a consciência da Terra e de todos os seus Reinos, inclusive o Reino Humano [...] a contemplação dos ‘CROP CIRCLES’ faz parte da agenda sugerida para aqueles que já se sentem atraídos por estes mistérios que nos aproximam das verdades dos céus. E neste ínterim, vemos de uma forma crescente o interesse de Iniciados Espirituais sobre as manifestações dos CROP CIRCLES.”  (Do livro “COMANDO ESTRELINHA, Temas Transcendentais”, págs 139 e 140, Horácio Netho, 2012)








COMO SURGEM OS CROP CIRCLES
(FRANCINE BLAKE)











“Os Círculos nas Plantações (Crop Circles) são padrões geométricos que vêm surgindo em plantações de cereais em todo o mundo desde o fim da década de 70. Embora o fenômeno se concentre na Inglaterra - dois terços dos círculos foram descobertos em campos ingleses - estas formações já foram observadas em vários outros países como EUA, França, Japão, Canadá, Holanda, Hungria e Rússia. Dos círculos ingleses, 80% (esta estatística varia de acordo com a fonte e o critério de contagem) foram produzidos no Sul da Inglaterra em uma área denominada ‘Triângulo Místico’, cujos vértices seriam os sítios de Stonehenge, Avebury e Glastonsbury. Atualmente os pesquisadores já contam mais de 10.000 círculos observados desde meados dos anos 70 (outra estatística que varia bastante de acordo com o critério de contagem). De lá para cá, os círculos se tornaram maiores, mais complexos e se espalharam pelo mundo.”  (Em: http://www.projetoockham.org/misterios_circulos_1.html)









ASPECTOS METAFÍSICOS dos CROP CIRCLES
(FRANCINE BLAKE)













"Os célebres crop circles, ou “círculos de colheita”, continuam aparecendo aos montes pelos campos do mundo afora, sem que alguém explique de uma vez por todas como são produzidos. Em busca de respostas para este incrível mistério, pesquisadores do fenômeno baseados em Wiltshire, condado no sudoeste da Inglaterra mundialmente conhecido como o epicentro global dessas enigmáticas manifestações, além de território do mítico monumento pré-histórico Stonehenge, criaram em 1995 o Wiltshire Crop Circle Study Group (WCCSG). Como o próprio nome indica, trata-se de um grupo de estudos, que se apoia em três pontos de vista sobre o assunto – “físico, metafísico e espiritual” -  para tentar entendê-lo melhor. O WCCSG, que organiza eventos e edita o jornal bimensal The Spiral (“A Espiral”) dá como certo que os crop circles existem, estão distribuídos por todo o planeta (mais de 6 mil desde a década de 1980), são inspirados em geometria complexa, simbologia antiga e matemática avançada e podem ser codificados, entre outros preceitos."  (Em: http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/tag/crop-circle/)










"Os cientistas já comprovaram a eficácia das linguagens que utilizam desenhos (pictográficos) que aumentam a capacidade do cérebro, desenvolvendo o cérebro como um todo. Além disso, os desenhos geométricos podem ser compreendidos em várias línguas, não existe necessidade de tradução, assim sendo é mais fácil de ser difundida. A verdadeira intenção das imagens dos 'Crop Circles' é ativar o nosso cérebro e fomentar a inteligência para a busca de informações e conhecimento. Perceba que as pessoas tentam decodificá-los em vez só de ver ou observar. Se fosse uma escrita simples não haveria necessidade de um desenvolvimento cerebral. Um texto não pode trazer tantas informações do que uma interpretação, o desenho desencadeia informações dentro do cérebro, fazendo com que ele reaja pensando e assim buscando novos conhecimentos." (Em: http://contatoalienigena.blogspot.com/2011/05/o-segredo-da-geometria-sagrada-crop.html)










MENSAGEM da NASA
RESPONDIDA em CROP CIRCLE 
(TV ALVORADA)









"Em alguns textos antigos foi mencionado, por exemplo nos Vedas, que haviam símbolos que ficavam no planeta. Algumas tribos, como os Hopis na América, também nos disseram que no final de cada ciclo, esses sinais aparecem na Terra para nos dar conhecimentos sobre a Nova Era."   Francine Blake  (Wiltshire Crop Circle Study Group)







         CROP CIRCLES no BRASIL e no MUNDO
               (CAMPUS PARTY)











“Profundas comunicações estão sendo feitas para os povos da Terra a partir de fontes no universo que buscam despertar a consciência humana para o perigo de destruição da Terra e os prejuízos dos ecossistemas. Muitas pessoas agora estão chegando à conclusão de que os belos desenhos em campos de cereais e em outros lugares, estão aqui para nos lembrar de nossa natureza superior e nos trazer para a harmonia da nossa casa na natureza. Muitos acreditam que estes símbolos misteriosos, aparecendo em todo o planeta (mais de 11.000 desde 1980), são um comunicado para a humanidade oferecendo uma oportunidade para a expansão da consciência e uma compreensão de como funciona o mundo no contexto mais amplo da comunidade intergaláctica.”  (Em: http://aflam-muusiiiiiiiiiiiiiic.blogspot.com.br/2009/11/star-dreams-crop-circle-documentary_2.html)












GEOGLIFOS na AMAZÔNIA






"O avanço nas pesquisas arqueológicas revelou a existência de cerca de 400 desenhos gigantes espalhados pela Amazônia, os geoglifos -- valetas de cerca de dez metros de largura e entre dois e três metros de profundidade feitas em formato geométrico preciso, normalmente círculos ou quadrados. A descoberta ensina mais sobre a forma como foram feitos e os hábitos dos povos que os construíram há mais de 1.000 anos. Pelo que se sabe, os geoglifos foram feitos por índios Aruaques que moraram na Amazônia séculos atrás para servirem de campo para rituais religiosos. Os primeiros desenhos datariam da era Antes de Cristo. A maioria, porém, foram feitos entre os séculos 1 e 10. "Quando a gente faz as medidas percebe que eles são muitos constantes. Eles não tinha instrumentos de metal, faziam provavelmente com pás de madeira, mas tinham precisão matemática", afirma Denise Schaan, da UFPA (Universidade Federal do Pará) e coordenadora das pesquisas dos geoglifos. Com tamanhos entre 100 a 300 metros de largura, os desenhos foram descobertos em 1977 pelo pesquisador Ondemar Dias, do Instituto de Arqueologia Brasileira do Rio de Janeiro. Hoje sabe-se que eles se estendem por uma área 200 km entre sul do Amazonas, leste do Acre, oeste de Rondônia e parte da Bolívia. [...] Quando Denise Schaan iniciou a pesquisa dos geoglifos, há dez anos, eram apenas 24 desenhos conhecidos. "Aquele ano marcou uma mudança importante, que foi o uso de imagens [por satélite] do Google Earth. Tanto que, com esse método, em poucas semanas o número subiu para 150. Hoje já temos 400", conta. As descobertas foram ocorrendo e sobrevoos e visitas às áreas onde estão os geoglifos foram realizados, aumentando o conhecimento sobre os desenhos gigantes. Dos 400 já encontrados, pelo menos 70% estão bem conservados." (Em: http://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2015/04/20/descoberta-de-400-geoglifos-na-amazonia-ajudar-a-desvendar-misterio.htm)











Crop Circles em 2015





100 Crop Circles
Na Época dos Crop Circles
Alguns Dados Científicos s\ Crop Circles


ASCENSÃO SELETIVA





"Bem vindo ao jogo das escolhas, afinal é você quem faz suas escolhas, mas no final, são suas escolhas que fazem você."   (Jacqueline Meireles)
       
                                                                                                                                   
                                                                     






“Os diferentes ciclos cósmicos que ora, concomitantemente, estão se finalizando e se iniciando para a Terra, trazem o processo da seleção evolutiva como uma ponte que lhes interligam. Em nosso passado, vários profetas deixaram suas mensagens nos preparando para estes atuais tempos. Alguns falaram simbolicamente, enquanto outros deixaram claros sobre detalhes do que iria acontecer. A tão divulgada ‘separação do joio e do trigo’, assim como a atual revelação da ‘Operação Resgate da Confederação Intergaláctica’ são formas apenas diferentes das tantas que apresentam um mesmo evento, pelo qual todos nós já estamos passando. Porém, poucos são os que ainda conseguem se conectar a estas verdades e assumirem os seus próprios processos seletivos sob a luz das disciplinas espirituais. Uma das ilusões que um ser humano vai transcendendo na sua evolução de consciência, é aquela que confirma para si a sua natureza humana como definitiva. Num estado mais elevado de investigação sobre a sua própria natureza, em autoconhecimento, um ser humano vai descobrindo a transitoriedade da sua experiência por este reino da Terra, sem desmerecê-la. A partir da aceitação desta verdade, ele pode se aprofundar numa experiência mais real com a vida e buscar os propósitos da Fonte em todos os seus reinos. Assumindo disciplinas e entregando a sua vida humana a Deus, ou aos mistérios da Fonte, a sua consciência humana começa a ser absorvida por ‘algo maior’, que começa a dar sinais a partir das experiências internas com a vida. Aos poucos, esta consciência ainda humana vai penetrando realidades coletivas, se consumindo numa realidade holística e a noção do seu ‘EU’ vai sendo transcendida, se esvaindo, se dissolvendo em experiências místicas que vão destituindo a natureza limitadamente humana.  Ainda dentro da experiência do ‘EU’ como ser humano, mas já num nível bem elevado da oitava dimensão, o espírito deste ser pode transmitir as escolhas que foram feitas em sua trajetória cósmica evolutiva por este planeta, sistema solar, galáxia ou universo, por exemplo. Seu destino superior pode ser revelado e redimensionado para esta consciência espiritual. Como esta consciência espiritual ainda resguarda um vislumbre da consciência do ‘EU’ humano, pode-se afirmar que as escolhas realizadas neste nível são ‘autoescolhas’. E a partir destas ‘autoescolhas’, um espírito humano pode se ‘autosselecionar’ ou se ‘autoconvocar’, por exemplo, para prosseguir a sua evolução cósmica aqui na Terra, neste atual momento de transição universal. Vejamos, então, uma outra apresentação que possa nos clarear mais sobre a natureza de um Autoconvocado.”  (Do livro “COMANDO ESTRELINHA, Temas Transcendentais”, págs 247 e 248, Horácio Netho, Ed. Alfabeto, 2012)






video
Autoconvocados e os 144 Mil
(Trigueirinho)  




Autoconvocado – Ser que optou por estar encarnado durante este período para servir ao Plano Evolutivo e atuar como fator de equilíbrio no processo de transição planetário [...] Tendo alcançado certos patamares evolutivos (nos quais devem fazer opções determinantes para os ciclos seguintes), os autoconvocados precisam tornar-se instrumentos efetivos de serviço e equilíbrio, assumir o compromisso de unificar-se com a lei imaterial e colaborar para essa transição atingir a meta a que se dirige. Os autoconvocados atuam em vários níveis de existência e permanecerão na órbita da Terra até quando o próprio ser interior, em contato com realidades maiores, assim determinar [...] Os autoconvocados são seres que já devem ter atingido maturidade suficiente para pautar as próprias ações pelos ditames da Lei, para ter fidelidade às percepções internas genuínas, para acolher as transformações sem temor pelo sofrimento ou pelos embates de forças contrárias, para reconhecer por experiência direta, ainda que em pequeno grau, a relatividade da vida externa e a sabedoria do caminho interior.”   (Do livro “Glossário Esotérico”, pág. 38, autor: Trigueirinho, Ed. Pensamento, 1994)











“O ser humano autosselecionado será convidado, através do novo código genético, a se desidentificar com os espaços-tempos anteriores da Terra, e a penetrar numa nova realidade de leis mais sutis e evolutivas para a sua consciên­cia. Receberá auxílio de reinos superiores. Uma Luz maior penetrará a sua consciência e, consequentemente, maior lucidez se manifestará no seu viver [...] Têm sido veiculadas informações sobre lugares que estão sendo preparados para os autoconvocados se reunirem em prosseguimento ao plano de evolução cósmica para a Terra. Lugares físicos escolhidos e projetados para a dita salvação de algumas almas humanas selecio­nadas. Em verdade, há estes lugares que são nada mais que uma pro­jeção externa da necessidade física coletiva da atual humanidade em perpetuar a sua existência. Porém, o lugar mais seguro ao qual todo ser humano deveria se dirigir está na consciência do equilíbrio entre a sua vida interna e a sua vida externa. É na unidade que equilibra a projeção da vida imortal que está o porto seguro da alma humana. O lugar físi­co externo adequado para a salvação do ser só se projetará fisicamen­te, quando ele encontrar primeiro a sua salvação interna. Antes disso, mesmo que ele se encontre fisicamente em algum lugar destinado à salvação, ele continuará perdido. A Terra não selecionará a humanida­de fisicamente, mas em consciência.”  (Do livro “VIA CORAÇÃO, caminhos da transformação”, págs 36 e 220, Horácio Netho, Ed. Alfabeto, 2011)














“Exausto de receber os fluídos venenosos da ignomínia e da iniquidade de seus habitantes, o próprio planeta protestará contra a impenitência dos homens, rasgando as entranhas em dolorosos cataclismos... e quando as instituições terrestres reajustarem a sua vida na fraternidade e no bem, na paz e a na justiça, depois da seleção natural dos espíritos e dentro das convulsões renovadas da vida planetária, organizaremos para o mundo um novo ciclo evolutivo, consolidando com as divinas verdades do Consolador, os progressos definitivos do homem espiritual.”    (Emmanuel, do livro “Há Dois Mil Anos”)










“Sob um certo ponto de vista, o processo seletivo evolutivo passa pelas escolhas que o ‘EU’ ainda humano realiza, portanto é no nível mais elevado deste ‘EU’ humano que se encontra a informação que precisamos ter sobre estes atuais tempos. Externamente, podemos receber alguns indícios e confirmações que validam as nossas necessidades, mas é em nossos contatos internos que vamos reconhecendo o que é verdadeiramente de nossos caminhos. Aqueles que ainda não conseguem ter este contato interno e íntimo consigo mesmos, são os mesmos que são prisioneiros da vida puramente material deste planeta, e se encontram perdidos em si próprios. Estes devem assumir a delicadeza e importância destes tempos, conclamando as suas próprias almas para uma ‘conversa’ séria sobre si, pedindo a ela alguma luz sobre estas realidades. Talvez, tenha chegado o momento de assumirmos uma maior consciência sobre as nossas vidas, antes que sejamos tomados de surpresa pela própria vida. Ou talvez, tenhamos feito a mesma opção que muitos fizeram, até então, para permanecermos cegos e indiferentes diante de tudo o que está acontecendo, mesmo com o planeta dando claros sinais físicos que está em profunda transformação.”  (Do livro “COMANDO ESTRELINHA, Temas Transcendentais”, pág 249, Horácio Netho, Ed. Alfabeto, 2012)










“Nasceste no lar que precisavas. Vestiste o corpo físico que merecias. Moras onde melhor Deus te proporcionou, de acordo com o teu adiantamento. Possuis os recursos financeiros coerentes com as tuas necessidades, nem mais, nem menos, mas o justo para as tuas lutas terrenas. Teu ambiente de trabalho é o que elegeste espontaneamen­te para a tua realização. Teus parentes e amigos são almas que atraístes com tua própria afinidade. Portanto, teu destino está constantemente sob teu controle. Tu escolhes, recolhes, eleges, atrais, buscas, expulsas, modificas tudo aquilo que te rodeia a existência. Teus pensamentos e vontade são a chave de teus atos e atitudes... São as fontes de atração e repulsão na tua jornada e vivência. Não reclames, nem te faças de vítima. Antes de tudo, analisa e observa. A mudança está em tuas mãos. Reprograma a tua meta. Busca o bem e viverás melhor. Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.” (Chico Xavier)







“Hoje, neste tempo que é seu, o futuro está sendo plantado. As escolhas que você procura, os amigos que você cultiva, as leituras que você faz, os valores que você abraça, os amores que você ama, tudo será determinante para a colheita futura.”   (Padre Fábio de Melo)








Ilhas de Salvação    
Conversas c\ Trigueirinho  
Lei Monástica, Ascensão e Vontade Interior